• Hélio Couto

O poder de soltar V


Precisamos explicar o que significa paradigma real e não-real.


O paradigma real é o lado espiritual do universo. É o paradigma do Todo. É de onde tudo é emanado e sustenta tudo o mais. É a verdadeira realidade. O contrário é o paradigma não-real que é o paradigma materialista, reducionista e cartesiano. O não-real é a negação do Todo.


Existe uma diferença absoluta entre o real e o não-real. O paradigma real é a diversidade da vida em todos os sentidos, é a evolução pelo amor, a aceitação das diferenças de raça, cor e espécies de todo o universo. A imensa variedade de vida pelo universo a fora. Os astrônomos fizeram uma nova estimativa do número de galáxias no universo. Antes consideravam que deveria ter por volta de 200 bilhões de galáxias. Agora acreditam em 2 trilhões de galáxias. Imaginem o que significa isso em termos de culturas diferentes, espécies, civilizações, etc. No paradigma real não há necessidade de mitologia. Sabe-se exatamente como é a realidade. Onde o amor e a alegria conservam a vida e a expandem sem cessar.


No paradigma não-real nega-se tudo isso. Elimina-se a liberdade, a evolução, a diversidade, etc. E na negação é onde os problemas são criados e não tem solução. O paradigma não-real quer a perpetuação de si mesmo. É onde todas as mitologias são criadas para a própria subsistência do não-real.


Também poderia dizer-se: “Conhecereis o real e o real vos libertará”.


Hélio Couto

www.opoderdesoltar.com.br

Posts Em Destaque
Posts Recentes